quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Me salve - Gevazio

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Me salve desse vazio lastimável
Me salve dessa escuridão eterna
Me salve desse desespero insuportável
Esta escuro,jogue uma lanterna


Só queria fazer meu rosto idiota
Fazer esse rosto sorrir
Não consigo,o mundo me devora
Só sei me ferir
Levar a culpa por amar
O peso da rejeição carregar
Acabar com minha vida já tentei
Tão inútil que sempre errei
Me falta tudo o que não vivi
Me falta tudo o que não senti
Paisagens e pessoas ao redor
Porque sempre eu que sofro?
Porque sempre preciso amargar essa dor?
Dias e anos passam
Aumentando ainda mais meu desencanto
Perecendo junto com o tempo
Sádico futuro,irônica compaixão
Se viver é sofrer...
Porque me importo com a solidão?
Palavras,não são nada
Fica fácil escrever essas coisas
Mas senti-las não precisa de palavras
Basta ter um corpo podre como o meu
A morte não me abraça
Nem as coisas que sonhava
Ainda sonho e talvez sonharei


Me lembro agora nessa memoria infantil
Pareço a esclerose daquele dependente
Mereço estar nisso?Muitos dirão que sim
Sou indigno,fraco desgraçado
Pena a morte ainda não ter chegado.





0 comentários


Maltratar, castigar, punir, mortificar
amarfanhar, judiar, humilhar, crucificar,
aspar, torturar, tiranizar, destratar,
escoicear, insultar, ofender
matar

Já tentou enlevar-se de tudo

Maltratar-se, castigar-se, punir-se, mortificar-se
amarfanhar-se, judiar-se, humilhar-se, crucificar-se,
aspar-se, torturar-se, tiranizar-se, destratar-se,
escoicear-se, insultar-se, ofender-se
matar-se

Não suportaria tanta dor?
Porque acha que os outros deveriam suportar?
O egoísmo monopolizou por completo aquele apolíneo altruísmo”.

Altruísmo não é a propaganda do bem realizado, mas sim a realização espontânea da alma”.
(Ivan Teorilang)

O fidedigna bondade, é aquela espontânea, onde não se pergunta quem o vê ou quem lhe fará elogios, pois ele apenas gosta de ajudar”.

Muitas pessoas, são compostas por máscaras, se encontram vivendo de mendacidades, logo quando estão a sofrer, se questionarão: Porque estou passando por isso? Sua constante duplicidade, lhe fez ser digna de tal sofrimento.
Na vida, existe uma energia de troca, na qual estamos constantemente atraindo para si, o que estamos constantemente entregando.
Outros dizem isso ser irrelevante. Dizem que só apenas nos atrai o que aceitamos, e esses são os denominados “Hipócritas”. São os que vivem em duplicidade, e por incrível que pareça, os que realmente sofrem com toda a troca constante.

Repudiamos o que vem a nosso bem, anuirmos o que NÃO vem para nosso bem.
Mais, tenho praticado diferente tais encimamentos. Venho verificando e praticamente aceitando o que se torna o certo depois de uma parada para refletir.

Devíamos ser oposto de nossa maldade.

Amar-se, benquerer-se, gostar-se
estimar-se, apreciar-se, adorar-se

Porquê não elevar tudo isso, não somente para si, MAIS sim, para TODOS os outros, ou achas que eles podem, e você NÃO pode viver sem isso?

Já tentou?

não Amar-se, não benquerer-se, não gostar-se
não estimar-se, não apreciar-se, não adorar-se

Acho que seria bem difícil conseguir.
Sinto-me triste a todos os dias, vendo a qual mundo vivemos, e fico a interpretar que o choro, quando uma criança nasce, não indica saúde. Sinto que aquele chorinho indica tristeza, por nascer em um mundo tão conturbado e desumano.

Entendo o porque não dar aos outros, o que entrega a você. Pois eles estão errados, e você não se dispõe a se por no lugar deles, não se dispõe a ouvir, pois até mesmo os mais bravos, teus suas angustias e revoltas, que o incentiva a continuar na iniquidade, no erro.

Acho que nem mesmo deus seria capaz de sofrer por nós.

Pois o erro de tudo, parte desde o inicio. Quem cometera este erro, foi o próprio deus, quando compreendeu os erros da humanidade e tomou-os para si.

Por isso digo: Ame quando não for preciso amar, e em tudo que faça, não faça pelo certo, ou pelo que está escrito, faça para se sentir melhor, faça pelos outros, como se fosse por você, porém tenha consciência do certo e errado.

Procure se sentir bem com suas ações.
Pois não existe nada tão atordoante que o arrependimento”.

Procure redirecionar seu arrependimento”.
"Do fundo do coração, eu lhe digo: um momento de bondade para com um outro ser ou um ato com intenção pura valerão mais do que toda a riqueza do mundo na hora da morte. Portanto, pratiquem agora, enquanto podem, da maneira mais ampla possível em cada situação. Isso realizará o propósito supremo de suas vidas e, na hora da morte, você não sentirá remorso.”

Chagdud Tulku Rinpochê - Trecho do livro "Para abrir o coração" (página 289)) 

Ben-Ami


0 comentários

Teorias não memoráveis



Maltratar, castigar, punir, mortificar
amarfanhar, judiar, humilhar, crucificar,
aspar, torturar, tiranizar, destratar,
escoicear, insultar, ofender
matar

Já tentou enlevar-se de tudo

Maltratar-se, castigar-se, punir-se, mortificar-se
amarfanhar-se, judiar-se, humilhar-se, crucificar-se,
aspar-se, torturar-se, tiranizar-se, destratar-se,
escoicear-se, insultar-se, ofender-se
matar-se

Não suportaria tanta dor?
Porque acha que os outros deveriam suportar?
O egoísmo monopolizou por completo aquele apolíneo altruísmo”.

Altruísmo não é a propaganda do bem realizado, mas sim a realização espontânea da alma”.
(Ivan Teorilang)

O fidedigna bondade, é aquela espontânea, onde não se pergunta quem o vê ou quem lhe fará elogios, pois ele apenas gosta de ajudar”.

Muitas pessoas, são compostas por máscaras, se encontram vivendo de mendacidades, logo quando estão a sofrer, se questionarão: Porque estou passando por isso? Sua constante duplicidade, lhe fez ser digna de tal sofrimento.
Na vida, existe uma energia de troca, na qual estamos constantemente atraindo para si, o que estamos constantemente entregando.
Outros dizem isso ser irrelevante. Dizem que só apenas nos atrai o que aceitamos, e esses são os denominados “Hipócritas”. São os que vivem em duplicidade, e por incrível que pareça, os que realmente sofrem com toda a troca constante.

Repudiamos o que vem a nosso bem, anuirmos o que NÃO vem para nosso bem.
Mais, tenho praticado diferente tais encimamentos. Venho verificando e praticamente aceitando o que se torna o certo depois de uma parada para refletir.

Devíamos ser oposto de nossa maldade.

Amar-se, benquerer-se, gostar-se
estimar-se, apreciar-se, adorar-se

Porquê não elevar tudo isso, não somente para si, MAIS sim, para TODOS os outros, ou achas que eles podem, e você NÃO pode viver sem isso?

Já tentou?

não Amar-se, não benquerer-se, não gostar-se
não estimar-se, não apreciar-se, não adorar-se

Acho que seria bem difícil conseguir.
Sinto-me triste a todos os dias, vendo a qual mundo vivemos, e fico a interpretar que o choro, quando uma criança nasce, não indica saúde. Sinto que aquele chorinho indica tristeza, por nascer em um mundo tão conturbado e desumano.

Entendo o porque não dar aos outros, o que entrega a você. Pois eles estão errados, e você não se dispõe a se por no lugar deles, não se dispõe a ouvir, pois até mesmo os mais bravos, teus suas angustias e revoltas, que o incentiva a continuar na iniquidade, no erro.

Acho que nem mesmo deus seria capaz de sofrer por nós.

Pois o erro de tudo, parte desde o inicio. Quem cometera este erro, foi o próprio deus, quando compreendeu os erros da humanidade e tomou-os para si.

Por isso digo: Ame quando não for preciso amar, e em tudo que faça, não faça pelo certo, ou pelo que está escrito, faça para se sentir melhor, faça pelos outros, como se fosse por você, porém tenha consciência do certo e errado.

Procure se sentir bem com suas ações.
Pois não existe nada tão atordoante que o arrependimento”.

Procure redirecionar seu arrependimento”.
"Do fundo do coração, eu lhe digo: um momento de bondade para com um outro ser ou um ato com intenção pura valerão mais do que toda a riqueza do mundo na hora da morte. Portanto, pratiquem agora, enquanto podem, da maneira mais ampla possível em cada situação. Isso realizará o propósito supremo de suas vidas e, na hora da morte, você não sentirá remorso.”

Chagdud Tulku Rinpochê - Trecho do livro "Para abrir o coração" (página 289)) 

Ben-Ami


0 comentários

Feliz - Lica Verissimo


Autêntica
Em tanto idêntica

Te identificas no sorriso
Indissolúvel dos solventes
Inerentes
Incidentes
Coerentes

Coração criança
Mudança
Dança que se lança feito maravilha

Sentido vivido
Sorriso que divido
Sinais dos tempos
Temporais em céus claros

Te vejo feliz

Lica Verissimo

0 comentários

Estado de amor - Lica Veríssimo




As emoções do amor
E a sensação do dia em plena côr

As noções do calor
Da pele
Do beijo quimioreceptor

Basta um instante avasalador
Pra que se amanheça o dia
Turbopropulsor

Transformador
Transgressor
Significador
Acendedor

Estes mistérios do amor

Acometedor
Adicionador
Acariciador
Agasalhador e apaixonador

E um dia disse o poeta de Morais
"Se todos fossem iguais à você
Que maravilha viver"


0 comentários

Teorias não memoráveis




Maltratar, castigar, punir, mortificar
amarfanhar, judiar, humilhar, crucificar,
aspar, torturar, tiranizar, destratar,
escoicear, insultar, ofender
matar

Já tentou enlevar-se de tudo

Maltratar-se, castigar-se, punir-se, mortificar-se
amarfanhar-se, judiar-se, humilhar-se, crucificar-se,
aspar-se, torturar-se, tiranizar-se, destratar-se,
escoicear-se, insultar-se, ofender-se
matar-se

Não suportaria tanta dor?
Porque acha que os outros deveriam suportar?
“O egoísmo monopolizou por completo aquele apolíneo altruísmo”.

“Altruísmo não é a propaganda do bem realizado, mas sim a realização espontânea da alma”.
(Ivan Teorilang)

“O fidedigna bondade, é aquela espontânea, onde não se pergunta quem o vê ou quem lhe fará elogios, pois ele apenas gosta de ajudar”.

Muitas pessoas, são compostas por máscaras, se encontram vivendo de mendacidades, logo quando estão a sofrer, se questionarão: Porque estou passando por isso? Sua constante duplicidade, lhe fez ser digna de tal sofrimento.
Na vida, existe uma energia de troca, na qual estamos constantemente atraindo para si, o que estamos constantemente entregando.
Outros dizem isso ser irrelevante. Dizem que só apenas nos atrai o que aceitamos, e esses são os denominados “Hipócritas”. São os que vivem em duplicidade, e por incrível que pareça, os que realmente sofrem com toda a troca constante.

Repudiamos o que vem a nosso bem, anuirmos o que NÃO vem para nosso bem.
Mais, tenho praticado diferente tais encimamentos. Venho verificando e praticamente aceitando o que se torna o certo depois de uma parada para refletir.

Devíamos ser oposto de nossa maldade.

Amar-se, benquerer-se, gostar-se
estimar-se, apreciar-se, adorar-se

Porquê não elevar tudo isso, não somente para si, MAIS sim, para TODOS os outros, ou achas que eles podem, e você NÃO pode viver sem isso?

Já tentou?

não Amar-se, não benquerer-se, não gostar-se
não estimar-se, não apreciar-se, não adorar-se

Acho que seria bem difícil conseguir.
Sinto-me triste a todos os dias, vendo a qual mundo vivemos, e fico a interpretar que o choro, quando uma criança nasce, não indica saúde. Sinto que aquele chorinho indica tristeza, por nascer em um mundo tão conturbado e desumano.

Entendo o porque não dar aos outros, o que entrega a você. Pois eles estão errados, e você não se dispõe a se por no lugar deles, não se dispõe a ouvir, pois até mesmo os mais bravos, teus suas angustias e revoltas, que o incentiva a continuar na iniquidade, no erro.

Acho que nem mesmo deus seria capaz de sofrer por nós.

Pois o erro de tudo, parte desde o inicio. Quem cometera este erro, foi o próprio deus, quando compreendeu os erros da humanidade e tomou-os para si.

Por isso digo: Ame quando não for preciso amar, e em tudo que faça, não faça pelo certo, ou pelo que está escrito, faça para se sentir melhor, faça pelos outros, como se fosse por você, porém tenha consciência do certo e errado.

Procure se sentir bem com suas ações.
“Pois não existe nada tão atordoante que o arrependimento”.

“Procure redirecionar seu arrependimento”.

"Do fundo do coração, eu lhe digo: um momento de bondade para com um outro ser ou um ato com intenção pura valerão mais do que toda a riqueza do mundo na hora da morte. Portanto, pratiquem agora, enquanto podem, da maneira mais ampla possível em cada situação. Isso realizará o propósito supremo de suas vidas e, na hora da morte, você não sentirá remorso.”

Chagdud Tulku Rinpochê - Trecho do livro "Para abrir o coração" (página 289)) 


Ben-Ami

0 comentários